• Dr. Francisco Aníbal

Turismo estético fora do Brasil: é cilada ou compensa?

Para seguir falando desse tema que gera muita confusão, vim responder sobre o que se trata o turismo estético e outros detalhes. Esse é o nome dado à prática de viajar para realizar um procedimento estético. Como o assunto por aqui é cirurgia plástica, trataremos especificamente de questões do turismo ligadas a elas.

Na maioria dos casos, as viagens com esse objetivo são internacionais e o maior atrativo para a realização de cirurgias fora do país de origem são os preços. No entanto, pouco se aprofunda sobre os níveis de (in)segurança aos quais se submete o paciente brasileiro que se aventura nessa empreitada. Nesse artigo você conhecerá os aspectos imprescindíveis para avaliar qualquer proposta de cirurgia que, para acontecer, envolva uma longa distância da sua casa.

gif


Turismo estético fora do Brasil: o que preciso avaliar?

Em geral as clínicas estrangeiras oferecem procedimentos a preços muito baixos. Como será que procedimentos tão complexos, que exigem um aparato tecnológico e estrutural tão específicos, podem ser tão baratos?


Confira a seguir os aspectos que costumam ser negligenciados para se vender cirurgias plásticas com preços bem abaixo dos praticados no mercado.

A qualidade do material utilizado

Aqui no Brasil, a Anvisa é o órgão responsável por fiscalizar os materiais cirúrgicos. Eles são produtos submetidos à vigilância sanitária. Quando os produtos não cumprem os determinados parâmetros de qualidade, oferecem risco de dano e ameaça à saúde e são apreendidos pelo órgão de fiscalização. Há notícias frequentes de materiais produzidos clandestinamente e, em certa medida, nos deparamos com uma realidade insegura que se replica também em outros países. Ou seja, materiais cirúrgicos que põem a saúde em risco não é uma particularidade do Brasil.


A diferença é que, em outros locais, geralmente o paciente não sabe e não tem fácil acesso às informações de procedência daquilo que será manejado em sua cirurgia. E isso pode potencializar a ocorrência de fraudes que expõem esse paciente a maiores riscos. Dito isto, considerando o regramento brasileiro, essas são as perguntas que você pode fazer ao seu cirurgião para se certificar sobre a segurança dos materiais cirúrgicos que serão utilizados em seu procedimento:


  • Qual a procedência desses materiais? Eles são liberados pela Anvisa?

  • Como é feita a esterilização desses objetos no ato cirúrgico?

  • A clínica está regularizada e com todas as licenças e autorizações sanitárias em dia?

  • O consultório/hospital está equipado com todos os materiais necessários para a complexidade da minha cirurgia?


É muito importante entender sobre o material que será colocado em seu corpo. Quanto maior for a qualidade desses recursos, mais confiante você se sentirá e menor será o risco de complicações relacionadas a vazamentos e inflamação.

Por isso, não tenha medo de perguntar sobre o tipo de material utilizado na cirurgia em sua primeira consulta médica. Todas as etapas da plástica devem priorizar a segurança e a minimização dos riscos visando garantir o máximo de bem estar ao paciente. Portanto, a procedência segura e o devido registro do material no órgão de fiscalização é, em última instância, uma proteção à vida.


Não é sem razão que afirmo que onde quer que você opte por realizar o seu procedimento, apostar em uma equipe e em um cirurgião comprometidos com a ética da profissão promoverá mais segurança a você.

O licenciamento para a prática cirúrgica


Se você acompanha este Blog com alguma frequência, com certeza já está informado de que a cirurgia plástica somente pode ser realizada por médicos licenciados na especialidade.

Segundo dados do G1, muitos médicos que oferecem operações no exterior a preços inferiores aos de mercado não têm formação em cirurgia plástica. Calcula-se que só entre 2015 e 2016, ocorreram mais de 15 mortes femininas entre as 100 que retornaram ao Brasil com consequências desse tipo de cirurgia.

A expertise no ramo de cirurgia


Esse é um outro fator que interessa observar ao pesquisar por cirurgias plásticas em outros países.


Ainda que a prática cirúrgica seja popular no local, isso não significa que necessariamente esse país tem um legado reconhecido no ramo. Antes de tomar a decisão, pesquise sobre a notabilidade do país no segmento de cirurgia plástica. Sobre a cirurgia plástica no Brasil, vale lembrar que somos referência mundial na categoria. O Brasil conta com:

  • Muitos dos melhores cirurgiões do mundo

  • Técnicas altamente desenvolvidas

  • Clínicas de última geração

  • Centros cirúrgicos com tecnologia de ponta

Além disso, a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) estabelece padrões rígidos para a realização de procedimentos cirúrgicos que garantem ao paciente mais segurança e tranquilidade.


Por isso, nas suas pesquisas por profissionais brasileiros, não deixe de procurar pelo nome do cirurgião no site da SBCP para descobrir se ele está autorizado a exercer essa atividade. Fiz um passo a passo de como fazer essa pesquisa.

Conclusão: como o turismo estético deve ser encarado

A prática do turismo estético por brasileiros deve ser realizada com muita cautela. É preciso desenvolver critério nas escolhas dos profissionais e em todo o planejamento da viagem. Ressalto que uma cirurgia plástica realizada com proximidade geográfica, ou seja, no país de origem, oferece inúmeras vantagens ao paciente. Operando-se no Brasil, o paciente usufrui de:

  • Acesso a grandes profissionais da cirurgia plástica mundial

  • Melhor assistência no pós cirúrgico e em situações emergenciais

  • Maior segurança e comodidade em virtude da proximidade paciente-médico

Quando se trata de saúde nem toda economia compensa. Considero o fator geográfico como uma verdadeira minimização de riscos em um procedimento. Sendo assim, nenhum preço vantajoso no exterior poderá se equiparar ao quanto isso vale em termos de bem-estar e experiência positiva. Além disso, vale a pena frisar que residentes no Brasil interessados em cirurgia plástica deram a sorte de estar no lugar que é globalmente referenciado nessa especialidade. Portanto, informe-se sobre as vantagens de optar por cirurgiões locais antes de viajar a um contexto desconhecido. Se este artigo tiver sido útil, acompanhe as próximas postagens por aqui e as novidades em nossa rede social.


Eu e a equipe da AESTHETICS estamos sempre à disposição para esclarecer dúvidas sobre cirurgias plásticas, transplante capilar e assuntos médicos relacionados. Basta entrar em contato!



7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo