• Dr. Francisco Aníbal

Colocar silicone: você também compartilha desse desejo?

Atualizado: Mai 13

Colocar silicone está na “wishlist” (lista de desejos) de milhares de brasileiras.


Esta semana, resolvi tratar desse assunto porque, recentemente, fiz uma enquete no Instagram e a maioria das seguidoras revelaram ter o implante de próteses de silicone como grande sonho.

A insatisfação com o tamanho e formato dos seios é a maior justificativa das mulheres que chegam ao consultório em busca desse procedimento. Já ouvi profundos relatos de afetação da autoestima desencadeada pelo aspecto insatisfatório com as mamas. O ponto positivo é que o contrário também acontece. Relatos de satisfação e aumento de autoestima depois da cirurgia são bastante comuns por aqui. Se você se identifica em alguma medida com esse desejo, sonhado por tantas outras mulheres, confira a seguir as informações mais buscadas sobre o procedimento.

gif

Colocar silicone: conceituando o desejo

Do que se trata essa cirurgia?


A colocação de silicone nada mais é do que a mamoplastia de aumento. Ou seja: uma cirurgia para aumentar ou restaurar o volume dos seios através de implantes compostos de um material específico, geralmente, o silicone cirúrgico.


A necessidade de restauração ou reparação no tamanho dos seios pode derivar de fatores como:

  • Gravidez

  • Perda significativa de peso

  • Remoção da mama em virtude de um câncer (mastectomia)

  • Diferença visível entre os tamanhos das mamas

  • Qualquer outro tipo de lesão

  • Um ou ambos os seios que não apresentem desenvolvimento regular

Porém, há muitos contextos em que não se trata de restaurar um volume perdido dos seios, mas sim de estimular, por meio do implante, um crescimento das mamas que a mulher geneticamente não desenvolveu.

Quais objetivos a mamoplastia de aumento pode atender?


O implante de silicone pode atender a uma série de objetivos. Confira os principais:


  • Equilibrar o corpo, inclusive de modo funcional

  • Potencializar a satisfação pessoal com a própria aparência

  • Modelar e projetar os seios conforme o desejo da paciente

  • Reaver a estabilidade natural das mamas

  • Retardar a queda dos seios

  • Resgatar a autoestima e autoconfiança através da cirurgia

Colocar silicone resolve peitos caídos?

A prótese de silicone resolve a flacidez das mamas em graus leves a moderados. Quando se trata de um quadro severo de ptose mamária (termo clínico para se referir a seios caídos), há indicação de um outro procedimento cirúrgico, a mastopexia. Em geral, a mastopexia atende ao objetivo de levantar os seios e é realizada em conjunto com o implante das próteses. Mas ela também pode ser realizada sem a cirurgia de implante, a depender do objetivo e necessidade da paciente.

O implante de silicone ocasiona perda de sensibilidade?


Em geral, há uma perda de sensibilidade momentânea no pós-operatório como resposta esperada ao procedimento. Mas, com o decorrer do tempo, a percepção sensitiva das áreas da mama se estabiliza e retorna ao estado habitual, na maioria dos casos. Embora a retomada das atividades usuais aconteça em um breve período, a recuperação completa da cirurgia pode durar alguns meses.


E, então, a estabilização da sensibilidade nos seios pode variar nessa janela de tempo, a depender das circunstâncias de cada corpo.

Quais são os tipos de próteses? Como elas são planejadas?


Quanto às próteses utilizadas na mamoplastia, há uma diversidade de modelos desenvolvidos para uso médico. Seguem alguns exemplos:

  • Próteses com silicone no seu interior

  • Próteses com solução salina no seu interior

  • Próteses com revestimento externo de silicone

  • Próteses com revestimento em poliuretano

  • Próteses com revestimentos lisos e texturizados

  • Próteses redondas e anatômicas

Além de apresentar modelos variados, as próteses são fabricadas em diferentes alturas, diâmetros e projeções e têm suas especificidades pensadas para cada pessoa.

Essa evolução nos tipos de próteses possibilitou, ainda mais, uma escolha apta a atender a necessidade de cada paciente e com maior chance de adaptação a cada estrutura mamária. Por isso, esse momento de indicação do modelo é importantíssimo.

Durante a consulta, o cirurgião descreve cada tipo de prótese e analisa qual modelo tem maior conexão com os objetivos da paciente. Ele vai analisar as suas características para indicar a prótese que harmonize e atenda às suas expectativas.

Como sei o tamanho ideal de implante de silicone? É adequado usar a mesma prótese indicada para uma amiga?


A indicação do modelo de prótese, do volume e de todos detalhes que envolvem o implante é exclusiva e individualizada. Pelos motivos descritos no tópico acima, fica claro que aquilo que se encaixou perfeitamente em uma amiga, pode ficar muito diferente em você. Neste momento, é preciso ouvir a avaliação do cirurgião, esclarecer as suas preferências e estar segura de que ele levará em consideração tudo o que importa para alcançar o melhor resultado possível. A avaliação do cirurgião leva em conta diversos fatores, entre eles:

  • a opção mais segura para sua faixa etária

  • o tipo e elasticidade da pele

  • a disposição de estrias pelo corpo

  • a conformidade entre tórax e mamas

Você provavelmente já ouviu o exemplo ilustrativo do copo de 200 ml, correto? É sempre válido utilizá-lo e apresentá-lo a quem ainda não conhece.


Vamos lá: Imagine um copo comum de 200ml. Esse copo pode existir em diferentes formatos: longo, fino, pequeno ou largo. Mas, apesar da diversidade de formas de representação desse conteúdo, a sua estrutura comporta sempre os mesmos 200ml. Não é algo que se pode modificar, concorda? Portanto, ainda que as próteses tenham volumes semelhantes, elas apresentam diversas opções de formatos e projeções para se adaptar às diferenças da estrutura mamária de cada mulher, estrutura que tem seus limites.

Por isso, para respeitar o seu corpo e evitar arrependimentos, é válido que essa escolha seja feita sob orientação de um médico especialista.

Como acontece a cirurgia de aumento de mama? A colocação do implante será atrás ou à frente do músculo?


A escolha da via de acesso será realizada após análise do exame físico da paciente e da própria estrutura mamária. Assim, é possível avaliar qual o melhor encaixe para a prótese.


Para a colocação das próteses de silicone o cirurgião necessitará de uma via de acesso, ou seja, realizará uma incisão (ou corte) na pele para que o silicone seja inserido.

A prótese de mama pode ser colocada através:

  • das axilas

  • da parte inferior da mama

  • das aréolas mamárias

  • do abdômen

  • de cicatrizes já existentes na região do toráx

Em geral, o implante através da parte inferior da mama (que compreende o sulco mamário) apresenta fácil acesso à mama, boa cicatrização e bom aspecto estético final. Por isso, costuma ser a mais utilizada neste procedimento.

A via de acesso axilar tem a preferência de algumas pacientes que não querem cicatrizes na região das mamas. Esse caso torna a cirurgia em certa medida mais complexa: requer anestesia geral, tem um pós-operatório um pouco mais desconfortável, e limita o tamanho e densidade da prótese a ser utilizada.

A técnica do implante através da região que envolve os mamilos, ou seja, as aréolas, deve ser empregada em pacientes que possuam um diâmetro das aréolas compatível com a passagem das próteses. Assim, mulheres com aréolas menores não são boas candidatas a esse tipo de incisão.

As vias de acesso abdominal geralmente são usadas quando também se realiza cirurgia plástica no abdômen, no mesmo ato cirúrgico. E em situações menos comuns, as próteses podem ser colocadas através de cicatrizes já existentes no tórax. Quando se trata de próteses salinas, é comum se optar pela colocação da prótese através da cicatriz umbilical. Isto porque as próteses são inseridas vazias e, posteriormente, preenchidas com soro fisiológico. Portanto, não é possível se colocar prótese de silicone através da cicatriz umbilical.

Qual tipo de anestesia é usada para o implante de silicone? Após quanto tempo a paciente pode voltar para casa?


Em geral, a colocação de prótese pode ser realizada com anestesia local e sedação, bloqueio ou mais raramente anestesia geral.

Após a cirurgia e recuperação anestésica, a paciente é encaminhada para o quarto e deve ter alta no mesmo dia. O cirurgião deve recomendar o uso de um sutiã pós cirúrgico para conforto e sustentação das mamas e prescrever analgésicos comuns.

Lembre-se que o contato fácil e uma relação de confiança com o cirurgião são essenciais para que você se sinta segura até a completa recuperação do procedimento.

Como é a recuperação? A cicatriz fica muito evidente?


Em geral, o pós operatório da mamoplastia de aumento apresenta um quadro de inchaço (chamado de edema) e as cicatrizes adquirem um aspecto mais perceptível. Essas características fazem parte da recuperação e basta que os devidos cuidados sejam tomados para que se atenuem.

Além disso, nesse período as atividades físicas devem ser evitadas. Isso contribuirá para uma melhor recuperação e para tornar o processo mais indolor. A cirurgia de prótese de silicone para aumento de mamas, principalmente, quando se utiliza a via inframamária para colocação dos implantes, não costuma ser muito dolorida.

A longo prazo, a paciente submetida a colocação de silicone, deve realizar exames mamários como ultrassonografia, mamografia ou ressonância magnética, no máximo, a cada 5 anos. É recomendado que faça também um acompanhamento regular com o cirurgião que a operou. Quanto à cicatrização, a cicatriz da mamoplastia de aumento tende a ser discreta e amenizar em curto período. A incisão que apresenta os melhores resultados em termos gerais é a que acontece na parte inferior da mama.

A prótese de silicone influencia a amamentação?


A prótese não tem contato com as glândulas mamárias que são responsáveis pela amamentação. Esse é um grande mito que se criou em torno do implante de silicone.


O único risco que você pode correr nesse sentido é um caso extremo. A cirurgia pode afetar a amamentação se você for mal orientada sobre a escolha do tamanho da prótese e o implante exceder o tamanho máximo para a sua anatomia. Em um caso como esse, devido ao excesso, as glândulas podem ser pressionadas pela prótese e sofrer um processo de atrofia, afetando o fluxo do leite e a sua produção.

Colocar silicone é perigoso?


Todo procedimento cirúrgico envolve riscos e complicações. Principalmente quando a escolha do profissional é negligenciada. E quando se pensa no perigo que representa se submeter a uma cirurgia com profissional não habilitado, é coerente se pensar também nos aspectos que integram o valor pago pelo procedimento, que vai além do estrito preço.

O valor da cirurgia de implante de silicone: sua satisfação

Por limitações da Lei, nós médicos não podemos veicular em site ou rede social informações a respeito de preços das cirurgias. Mas falarei sobre os três principais fatores que compõem o valor de uma cirurgia para que sua experiência seja satisfatória:


  1. Segurança no procedimento

  2. Melhor alcance possível dos objetivos traçados

  3. Recuperação do prazer com a própria imagem

Dito isso, posso alertar você para a maior contraindicação quando o assunto envolve saúde: não se deve realizar qualquer cirurgia sem se informar.

Buscar por informação protege, prepara e acalma você para tomar a melhor decisão.

O que esperar da consulta para colocação de silicone?


O momento da consulta é imprescindível para se estabelecer uma relação de confiança e um espaço seguro para tirar dúvidas mais específicas e receber orientações direcionadas. A partir daí o paciente consegue cultivar expectativas reais. Na primeira consulta você deve contar sobre:

  • seu histórico pessoal e familiar de saúde

  • medicações que faz uso (incluindo fitoterápicos/naturais)

  • eventuais alergias

  • o que levou você a buscar pelo procedimento

  • quais as suas expectativas com a mudança almejada

  • procedimentos anteriores que tenha realizado, se for o caso


Lembre-se que a opção pela plástica é uma escolha pessoal para tentar melhorar algo que lhe traga desconforto e você é sempre a pessoa que mais importa em suas decisões.


Para finalizar…

Concluo esse artigo enfatizando o que faço questão de conversar pessoalmente com pacientes. A cirurgia plástica é uma grande paixão e me sinto honrado por poder realizar sonhos através da Medicina. Se o seu desejo por colocar silicone atende a uma vontade pessoal, siga o seu coração. Acima de tudo, dedique a sua cirurgia plástica a si mesma.


gif

Dr. Francisco Aníbal Passos de Brito - Cirurgião Plástico - CRM: 11.137 / RQE: 6.311

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo