• Dr. Francisco Aníbal

Descomplicando o Botox: informações essenciais

Atualizado: Set 30

O botox é o queridinho dos jovens de espírito por ser um procedimento pouco invasivo e de rápido resultado. Não há problema algum em se querer refletir um coração cheio de juventude através da própria imagem. Mas, ao contrário do que muita gente imagina, não se trata de algo acessível só às celebridades. A não ser que você se considere uma ;) Neste artigo, trago uma abordagem completa sobre o botox. Você vai conhecer tudo sobre o procedimento estético que é considerado um verdadeiro avanço no ramo do rejuvenescimento facial.

O que é o botox?

A toxina botulínica, também conhecida como Botox, é uma substância proveniente de uma bactéria. Isso mesmo, uma bactéria. Mas, calma. Nada de ruim está associado a esse fato. A seguir, apresento a você as inúmeras razões para venerar essa bela descoberta da Ciência.

gif

Do que é feito?

Um frasco de Botox contém:

  • 100 unidades (u) de toxina

  • 0,5 mg albumina humana

  • 0,9 mg de cloreto de sódio

Ele deve ser diluído com 10 cm³ de solução salina sem conservantes. O frasco não deve ser invertido ou abalado.

Como funciona na prática?

A aplicação do botox acontece através de injeção simples e é praticamente indolor. As rugas diminuem porque a substância injetada realiza uma espécie de bloqueio no estímulo que causa a contração dos músculos faciais. Geralmente, o Botox é injetado com o paciente sentado em uma cadeira. Realizamos uma cuidadosa antissepsia (limpeza) de todo o material e local do procedimento. Uma média de 3 unidades de Botox são usadas para cada ponto, independentemente da área injetada. Normalmente, iniciamos a aplicação pelos supercílios e prosseguimos para a região dos pés de galinha e músculo frontal (testa). Não esqueça: esse procedimento demanda um mapeamento cauteloso da anatomia das regiões que terão a substância injetada. Isso ajuda a evitar surpresas.

Onde o botox pode ser usado?

Como já mencionado, a toxina pode ser aplicada em regiões superiores da face. Ele serve para tratar as rugas e linhas de expressão que se formam:

  • na lateral dos olhos

  • na área da testa

  • na região do pescoço

  • Do ponto de vista estético, essas são as aplicações mais comuns.

Ameniza-se com o botox:

  • Os famosos “pés de galinhas” na região dos olhos;

  • As rugas que se aprofundam com o tempo na área da testa;

  • As linhas que se acumulam com o envelhecimento na região do pescoço

Confira a ilustração:

Ilustração de áreas da face em que ocorre aplicação do botox. Imagem retirada de artigo científico publicado no Jornal Internacional de Dermatologia
Áreas de aplicação do botox na face (Jornal Internacional de Dermatologia)

Mas não para por aí. Com todos os avanços e testes realizados, já contamos com diversas soluções alcançadas pelo uso de Botox envolvendo outras áreas do corpo. Veja:

Ilustração mostrando glândulas nas axilas onde acontece aplicação de botox
Aplicação de botox nas axilas para controlar sudorese excessiva (Jornal Internacional de Dermatologia)

Pesquisadores na Alemanha descobriram que injetar o Botox nas axilas pode reduzir não somente o suor como também o odor corporal. (Perceba que falei muito sério ao garantir que você saberia de tudo sobre o Botox com essa leitura)

gif

Sobre efeitos e resultados

Efeitos e resultados são sempre alvo de grande interesse dos pacientes. Vamos às principais dúvidas.

O botox ajuda a levantar as sobrancelhas?


Sim. O olhar encapuzado que se forma com as rugas pode ser indiretamente levantado com aplicação do botox. Isto porque a aplicação na testa pode resultar numa inclinação das sobrancelhas que rejuvenesce o olhar.

É verdade que o botox auxilia no tratamento de enxaquecas?

Sim. Os efeitos neuroinibitórios do Botox têm comprovação científica. Os estudos seguem, mas, nesse campo, já se evidenciou que a toxina botulínica é uma terapia segura e eficaz para o tratamento agudo e profilático da enxaqueca.

Os resultados são instantâneos?


Praticamente. Em 5 a 7 dias é o tempo para realizar a revisão da aplicação e, neste momento, os efeitos já podem ser notados.

Vou ter o rosto modificado?

Sim. Se utilizado com bom senso, o Botox gera mudanças que não retiram a essência e naturalidade dos traços. Costumo dizer que é uma descoberta de uma nova e melhor versão de si mesmo.

Depois da aplicação, quando devo retornar para revisão?

Em geral, o paciente retorna para revisão de 5 a 7 dias após a aplicação. No retorno ao consultório, o cirurgião irá avaliar os resultados em você. A depender do caso, pode ser necessária uma reaplicação em alguns pontos, principalmente quando se tratar de rugas mais profundas.

Em quanto tempo se desgasta?

A duração média dos efeitos do Botox é de até 6 meses. No entanto, cada paciente pode apresentar durações variadas. Já houveram casos clínicos em que se comprovou um efeito prolongado de até 18 meses. _____________ Se você concluiu essa leitura sabendo mais sobre o Botox do que sabia antes dela, vale a pena acompanhar as próximas postagens por aqui e as novidades em nossa rede social.

Eu e a equipe da Aesthetics estamos sempre à disposição para esclarecer dúvidas sobre cirurgias plásticas, transplante capilar e assuntos médicos relacionados. Basta entrar em contato.


Dr. Francisco Aníbal Passos de Brito - Cirurgião Plástico - CRM: 11.137 / RQE: 6.311

19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo